Marco Ricca

Divulgação Europa Filmes
Europa Filmes

Ajude-nos a atualizar seu perfil.
Envie suas informações para quemequem@filmeb.com.br

Atividade: 
Ator, Diretor

Ator nascido em São Paulo, em 1962. Iniciou a carreira em um grupo de teatro amador como dramaturgo e começou a atuar por acaso quando teve que substituir um dos atores. Estreou no cinema em 1996 em O guarani, de Norma Bengell. Exibiu no Festival do Rio 2009 Cabeça a prêmio, seu primeiro longa como diretor. Também dedica-se ao teatro e à TV. Nos anos 2000 passou a intercalar teelvisão com cinema. Recebeu o prêmio de melhor ator coadjuvante no Festival do Rio por sua interpretação em Aos teus olhos

Filmografia selecionada:

Ator

  • Arigo (2019), de Gustavo Fernández
  • Morto não fala (2018), de Dennison Ramalho
  • Aos teus olhos (2017), de Carolina Jabor. Prêmio de melhor ator coadjuvante no Festival do Rio. 
  • Bio (2017), de Carlos Gerbase
  • As duas Irenes (2017), de Fabio Meira. Prêmio de melhor ator coadjuvante no Festival de Gramado. 
  • Canastra suja (2016), de Caio Sóh
  • O fim e os meios (2015), de Murilo Salles
  • Chatô: O rei do Brasil (2015), de Guilherme Fontes. Prêmio de melhor ator no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. 
  • Trinta (2014), de Paulo Machline
  • Os amigos (2013), de Lina Chamie
  • Verônica (2008), de Maurício Farias
  • A via láctea (2007), de Lina Chamie 
  • O maior amor do mundo (2006), de Carlos Diegues
  • O coronel e o lobisomem (2005), de Maurício Farias
  • Crime delicado (2005), de Beto Brant. Também coproduziu e escreveu o roteiro com o diretor.
  • O casamento de Romeu e Julieta (2005), de Bruno Barreto
  • Cristina quer casar (2003), de Luiz Villaça
  • Rua 6, sem número (2003), de João Batista de Andrade
  • O invasor (2002), de Beto Brant. Prêmio de melhor ator no Festival de Recife. 
  • Tiradentes (1999), de Oswaldo Caldeira
  • Até que a vida nos separe (1998), de José Zaragoza
  • O que é isso, companheiro? (1997), de Bruno Barreto
  • Olhos de vampa (1996), de Walter Rogério
  • O guarani (1996), de Norma Bengell

 

Diretor

  • Cabeça a prêmio (2009). Selecionado para o Festival do Rio de 2009.