Juliano Cazarré

Divulgação TV Globo
Juliano Cazarré

Ajude-nos a atualizar seu perfil.
Envie suas informações para quemequem@filmeb.com.br

Atividade: 
Ator

Nascido em Pelotas (SC) em 1980, formado em Artes Cênicas pela Universidade de Brasília (UnB). Começou a carreira no teatro, atuando em peças do diretor uruguaio Hugo Rodas. Em 2005, estreou no cinema trabalhando no longa A concepção , de José Eduardo Belmonte. Em seguida, fez Meu mundo em perigo (2007), do mesmo diretor. No mesmo ano, começou também a trabalhar na TV atuando na minissérie Alice, da HBO. Em 2015, estrelou o drama Boi Neon e recebeu o prêmio de melhor ator no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. A sua estreia e o único trabalho na direção cinematográfica é o curta A roza (2014). 

Filmografia selecionada:

  • Pluft (2018), de Rosane Svartman
  • O grande circo místico (2018), de Carlos Diegues
  • Real: O plano por trás da história (2017), de Rodrigo Bittencourt
  • Aurora (2016), de José Eduardo Belmonte. Inédito.
  • Boi neon (2015), de Gabriel Mascaro. Prêmio de melhor ator no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. 
  • Sorria, você está sendo filmado - O filme (2015), de Daniel Filho
  • Serra pelada (2013), de Heitor Dhalia. Prêmio de melhor ator no Festin Lisboa. 
  • O lobo atrás da porta (2013), de Fernando Coimbra
  • Augustas (2012), de Francisco César Filho
  • Febre do rato (2011), de Cláudio Assis
  • 360 (2011), de Fernando Meirelles
  • Assalto ao Banco Central (2011), de Marcos Paulo
  • Bruna Surfistinha (2011), de Marcus Baldini
  • VIPS´s (2010), de Toniko Melo
  • Salve geral (2008), de Sérgio Rezende
  • A festa da menina morta (2008), de Matheus Nachtergaele
  • Nome próprio (2007), de Murilo Salles
  • O magnata (2007), de Johnny Araújo
  • Tropa de elite (2007), de José Padilha
  • Meu mundo em perigo (2007), de José Eduardo Belmonte
  • A concepção (2005), de José Eduardo Belmonte
  • Macacos me mordam (2005), de Érico Cazarré. Curta-metragem.
  • Suicídio cidadão (2002), de Iberê Carvalho. Curta-metragem.