Ajude-nos a atualizar o seu perfil. Envie suas informações para quemequem@filmeb.com.br
Marco Nanini

    Ator pernambucano nascido em 1948, estreou no cinema em As moças daquela hora (1974), de Paulo Porto. Ator tipicamente cômico, teve uma rara atuação dramática em Feliz ano velho (1988), de Roberto Gervitz. Sua atuação como Dom João VI, na comédia histórica Carlota Joaquina (1995), de Carla Camurati, contribuiu para o grande sucesso do filme, um dos marcos da retomada do cinema brasileiro. Ator também de televisão, atuou em diversas novelas de sucesso como Carinhoso, de Lauro César Muniz, Gabriela, adaptação de Walter George Durst do romance Gabriela, cravo e canela, de Jorge Amado; A moreninha, por Marcos Rey, e Pecado capital, escrita por Janete Clair. Também trabalhou em peças de teatro, como Irmã Vap – que ficou dez anos em cartaz –, e programas que foram marcos na televisão, como TV Pirata, dirigido por Guel Arraes e o seriado A grande família, este desde 2001.

    Filmografia selecionada:

  • A suprema felicidade (2010), de Arnaldo Jabor
  • O bem amado (2010), de Guel Arraes
  • A grande família (2007), de Maurício Farias
  • Irma Vap – O retorno (2006), de Carla Camurati. Inspirado na peça que ficou dez anos em cartaz na qual também atuou, O mistério de Irma Vap.
  • Lisbela e o prisioneiro (2003), de Guel Arraes
  • Apolônio Brasil - Campeão da alegria (2003), de Hugo Carvana
  • Copacabana (2001), de Carla Camurati
  • O xangô de Baker Street (2000), de Miguel Faria Jr.
  • O auto da Compadecida (2000), de Guel Arraes
  • Amor & Cia (1999), de Helvécio Ratton
  • Carlota Joaquina (1995), de Carla Camurati
  • Feliz ano velho (1988), de Roberto Gervitz
  • Anjos da noite (1987), de Wilson Barros
  • Noite (1985), de Gilberto Loureiro
  • A noite dos duros (1978), de Adriano Stuart
  • Teu, tua (1977), de Domingos Oliveira
  • O roubo das calcinhas (1975), de Braz Chediak
  • e Sandoval Aguiar
  • As moças daquela hora (1974), de Paulo Porto